autocar

Renault Clio 2012

Como carro de entrada, o Renault Clio é bem honesto. Comparado com o que temos no mercado, é uma ótima opção. O que pega no Renault Clio é a desvalorização um pouco acima da média, algo que eu não compreendo, já que é um carro de mecânica robusta, peças de reposição com preços dentro da média, seguro dentro da média e boa liquidez no mercado de usados… para quem pretende ficar pelo menos 2 anos com o carro, não chega a comprometer.

A garantia do Renault Clio é de 3 anos, uma boa desde que tenha sido feita as revisões em autorizadas. Por ter cabeçote multiválvulas, requer maior atenção com a correia dentada. Não deixe de trocar no prazo indicado, que no caso é de 80 mil km. Fora da garantia, procure por mecânicos especializados em marcas francesas. Eles têm conhecimento e ferramental próprio para esses modelos. Recomendo também o cadastro em fóruns específicos, para troca de experiência com outros proprietários. O Renault Clio é um bom carro para famílias pequenas, desde que não necessite de grande espaço pra bagagem. Nesse caso, vá de Logan ou Sandero. Para solteiros ou casais, a versão 2 portas pode ser uma boa.

 

Marca: Renault
Modelo: Clio
Versão: Campus
Ano: 2012
Capacidade cúbica: 999 cm ³
Cabeçote: duplo comando com 16 válvulas
Potência: 76 cv (gas) a 77 cv (álc) a 6000 rpm
Torque: 10,0 kgfm (gas) a 10,2 kgfm (álc) a 4250 rpm
Relação peso/potência: 11,58 kg/cv (álc) a 11,43 kg/cv (gas)
Suspensão dianteira: McPherson
Suspensão traseira: eixo de torção
Pneus: 175/65 R14
Freios dianteiros: disco ventilado
Freios traseiros: tambor
Câmbio: manual 5 velocidades
Tanque: 50 litros
Porta malas: 255 litros
0 a 100 km/h: 13,6 s (álc) a 13,7 s (gas)
Velocidade máxima: 166 km/h (gas) a 167 km/h (álc)

Veja avaliação feita por Felipe Carvalho