autocar

8 veículos do Salão do Automóvel 2016 que serão ótimas opções de carros usados no futuro

Todos que amam veículos, sejam carros 0km ou carros usados, sempre ficam entusiasmados com as novidades apresentadas em um Salão do Automóvel.

Neste ano, no evento sediado em São Paulo (SP), alguns carros foram ansiosamente aguardados pelo público.

A Renault e a Honda, por exemplo, chegaram com novos modelos, enquanto a Chevrolet mostrou a repaginada e ótima Tracker.

E não há como não se perguntar sobre quais modelos exibidos no Salão do Automóvel poderão se tornar ótimas opções no mercado de carros usados num futuro não muito distante.

Pensando justamente nisso, escolhi alguns veículos – oito, para ser exato – que poderão se tornar alvo de cobiça do mercado de carros usados dentro de alguns anos. Veja quais são eles:

 tracker

Chevrolet Tracker

Para abrir, resolvi falar um pouco da Tracker, da Chevrolet. Mesmo não sendo um novo carro, acredito que terá boa venda no mercado de 0km e, depois, ótima procura entre os carros usados.

Antes um pouco esquecida, vejo que a GM, enfim, acertou a Tracker e a deixou “redondinha”.

O carro tem desenho bonito, frente agressiva e painel melhorado. A principal mudança, no entanto, é com relação ao motor. Antes 1.8, não muito econômico, o modelo agora conta com um 1.4 turbo.

A nova Tracker tem tudo para ser um carro econômico e com um motor moderno.

tiguan

Volkswagen Tiguan

Minha segunda escolha é da Volkswagen.

O novo Tiguan não vem mais equipado com motor 2.0 turbo. E se antes ele já era um carro econômico, agora ficou ainda mais. Afinal, o novo Tiguan conta com um motor 1.4 turbo. Mesmo perdendo um pouco em potência, ainda assim terá bom desempenho.

Mas uma das maiores preocupações do público com relação a este modelo é o consumo de combustível. Agora mais econômico, o Tiguan tem tudo para ser um dos destaques do mercado de carros usados futuramente – até porque a versão anterior já tem ótima procura.

Destaco o Etios automático

Toyota Etios

Minha terceira opção é o Toyota Etios automático.

Mesmo não sendo um carro bonito, vejo que ele pode ser uma espécie de “carro-chave” daqui 10 anos.
Atualmente, o público que procura carros automáticos com mais de dez anos de uso geralmente busca um Corolla.

Tenho certeza que, em uma década, esse público vai optar pelo Etios automático.

fiatmobi

Fiat Mobi

Minha quarta indicação foi lançada há pouco tempo.

O Fiat Mobi é equipado com um novo motor, da geração Fire Fly. No caso do Mobi, motor 1.0 de 3 cilindros.
E para quem quer gastar pouco com combustível, de acordo com os dados da Fiat, este é um carro muito econômico –

algo que reflete de forma direta no mercado de carros usados.

jeepcompass

Jeep Compass

Minha quinta escolha é da Jeep, marca que atualmente está muito forte no mercado brasileiro.

Para mim, a Compass será uma ótima opção para quem buscar um usado dessa categoria no futuro.

Ela supre duas deficiências da Renegade, que caiu no gosto do público: conta com um motor 2.0 bem mais forte e possui porta-malas maior.

Se as versões anteriores da Compass não foram bem, certamente esse modelo venderá melhor.

renaultkwid

Renault Kwid

Minha sexta opção é o Kwid, novidade da marca francesa para o mercado brasileiro em 2017.

Este modelo nasceu para ser simples e barato.

Ele substituirá o Clio, que saiu de linha neste ano, e estreará o novo motor 3 cilindros da Renault.

Trata-se de uma opção econômica em termos de consumo de combustível e manutenção, e isso deve fazer com que o Kwid seja benquisto no mercado de carros usados ao longo dos anos.

Captur da Volskwagen

Renault Captur

Outra opção da Renault é o Captur.

Acredito que este carro se dará bem no mercado de usados por seu visual: trata-se de um SUV de pequeno para médio, uma das preferências entre os consumidores brasileiros.

O Captur tem desenho bonito, boas opções de motores, espaço interno bem bacana e conta com bom acabamento.

Honda faz lançamento mundial do WR-V

Honda WR-V

O oitavo e último carro desta minha lista é a nova WR-V, da Honda. Seguramente, um dos carros mais aguardados do Salão do Automóvel 2016.

A primeira observação para vê-lo como uma boa opção para o mercado futuro de carros usados é a ótima reputação da marca japonesa.

A WR-V é uma mistura de Fit e HR-V. Tem frente agressiva, é um pouco mais alta que o Fit e possui ótimo desenho.
No mercado de usados, a Honda vende muito bem, qualquer modelo e ano. Também por isso, tenho certeza que a

WR-V será uma boa opção de usado muito em breve.